De onde vem todas as suas crenças?

De onde vem todas as suas crenças

Em algum momento você já se perguntou “De onde vem todas as suas crenças?”, como elas foram formadas e como tudo isso influencia quem você é e como se comporta?

Pois é, há muitos anos eu comecei a me perguntar sobre questões como estas. E, ainda mais, será que eu deveria ter os mesmos padrões de comportamento da minha família ou mesmo da sociedade em que eu vivia e vivo?

Atualmente vimos muitas pessoas falando sobre crenças, crenças limitantes e até mesmo boas crenças.

Mas, será que tudo isso não seria a mesma coisa?

Antes de iniciar uma reflexão sobre esta questão quero que você saiba um pouco sobre mim. Meu nome é Alessàndro B Machado, fui executivo do mercado corporativo por quase 30 anos e hoje sou estudante de física quântica, cosmologia, terapeuta holístico e líder global na doTERRA.

Clique AQUI e saiba quem sou eu desde 2018, quando mudei radicalmente de vida pessoal e profissional.

É também necessário que você saiba aqui não caberia tudo que preciso falar para responder à pergunta “De onde vem todas as suas crenças”. Então, depois de ler este texto sugiro que você continue a sua busca porque te garanto que a resposta é muito mais “complexa” e jamais caberia é um único artigo.

Saiba como os aromas afetam o nosso DNA

Um fator que acho muito importante é que nossas crenças, seja elas quais forem, não são herdadas somente de nossos pais e demais antepassados. Elas são implantadas em nós por todos eles, pela comunidade em que vivemos e até mesmo pelo padrão da sociedade ao nosso redor.

Eu já li em algum lugar que diz que nossas crenças, boas e ruins, são implantadas em nós para 3 P´s:

  1. Parentes,
  2. Padres,
  3. Políticos.

Mas, afinal o que são crenças?

As crenças são o conjunto de estado psicológico que os indivíduos adotam e se detém a determinadas proposições ou premissas para a sua verdade, ou ainda, para opiniões formadas ou convicções sobre tudo que elas pensam ser verdade.

Somente por essa explicação já podemos notar que cada pessoa tem o seu próprio conjunto de crenças, sejam elas positivas ou não. Portanto, cada um responde de forma distinta aos mesmos estímulos.

Ou seja, algo que para você pode ser positivo para outra pessoa pode ser exatamente o oposto.

Todas as crenças são ruins?

Não, mas devemos ter a convicção de que quanto mais conhecimento tivermos mais poderemos evoluir e por meio da evolução, expansão de consciência, teremos maior entendimento sobre os padrões de comportamento das pessoas, do planeta e até mesmo do universo.

Com menos limitação de crenças, com certeza haverá mais oportunidades de uma sociedade mais justa.

E olha só que interessante, uma pessoa pode pensar que não tem crenças limitantes e que ela está sempre aberta para novos conhecimentos e mesmo pensando assim ela pode exatamente estar fazendo o contrário.

Que ver somente um exemplo sobre uma única crença limitante disfarçada? Vamos lá!

Suponhamos que você já tenha sucesso em sua vida profissional e seja muito ocupado ou ocupada, que eu seja seu colega de profissão e te convide para conhecer um novo método de trabalho ou, até mesmo, uma outra atividade profissional?

Você se permitiria a dedicar algum tempo para conhecer este novo método de trabalho ou falaria que você já está estabelecido(a) e não tem tempo ou interesse para se dedicar a isso no momento?

Se você disser que não tem tempo ou interesse eu posso garantir que você está, somente na questão profissional, com crenças limitantes. Mesmo que você já seja altamente bem-sucedido(a) em seu negócio.

Bom, vamos a uma pequena parcela do que é responsável pelas suas (nas verdade nossas) crenças. De onde vem todas as suas crenças?

Somente para que nasçamos são necessários:

  • 2 pais;
  • 4 avós;
  • 8 bisavós;
  • 16 trisavós;
  • 32 tetravós;
  • 64 pentavós;
  • 128 hexavós;
  • 256 heptavós;
  • 512 oitavós;
  • 1024 eneavós;
  • 2048 decavós.

Veja o resultado disso: somos frutos das nossas últimas 11 gerações (não são somente estas, mas não sei mencionar mais que isso).

Portanto, foram necessários 4.094 ancestrais e tudo isso mais de 300 anos antes de eu ou de você virmos a este mundo.

E você já se perguntou:

  • De onde eles vieram?
  • Quantas batalhas já travaram em suas vidas?
  • Por quanta necessidade já passaram?
  • Com quantas e quais tipo de pessoas conviveram?
  • A que circunstâncias foram expostos?

E ainda mais:

  • Quais foram suas culturas?
  • Que religiões tiveram?
  • Tiveram alguma religião?
  • Sob que sociedade viveram?
  • Foram amados?
  • Amaram?
  • Eram prósperos?

Tudo isso vem como herança em nosso código genético e está “preso” em nosso subconsciente e é exatamente aí, no subconsciente, que devemos buscar todas as respostas.

Somente aceitando isso daremos início a resposta ao título deste texto: De onde vem todas as suas crenças?

E por falar em subconsciente, você sabia que é exatamente aí que estão 95% das respostas aos estímulos que recebemos?

Então, é exatamente nesta “caixa preta” que estão praticamente todos os nossos medos e nossas galhardias.

Olha só, esse assunto é muito extenso, eu estou em busca de mais conhecimento e se você gosta de temas como este me adiciona no Instagram e vamos ser amigos.

Clique AQUI e te vejo por lá.

Namaste.

Alessàndro B Machado

3 comentários

  1. Pingback: Como ter um negócio de sucesso em qualquer área – Planeta Sucesso

  2. Pingback: Crença e Fé NÃO são a mesma coisa! – Planeta Sucesso

  3. Pingback: O que a expansão de consciência fez em mim – Planeta Sucesso

Você Gostou? Deixe Seu Comentário!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.